Breguet Marine | Rei dos Mares

310

A linha Marine é o espelho da conjugação da alta relojoaria com uma temática de inspiração náutica e, nos últimos anos, a Breguet tem-se focado na icónica colecção, actualizando-a com novas características de design e modelos.

Abraham Louis Breguet aproveitou a terceira Exposição Napoleónica de Produtos da Industria Francesa, realizada entre 18 e 24 de Setembro de 1802 no pátio do Louvre, para apresentar os seus relógios de “Tombadilho” e “Longitude”, atraindo em consequência uma clientela militar sedenta de garantir uma vantagem naval estratégica através de uma navegação precisa. A acção garantiu-lhe o titulo de Construtor de Cronómetros da Marinha Real Francesa, então o galardão de maior prestigio ao qual um relojoeiro podia aspirar.

Passados mais de dois séculos deste marco histórico, a actual linha Marine baseia-se nos valores tradicionais defendidos pelo mestre relojoeiro, mas interpretados de forma contemporânea com o intuito de criar um relógio desportivo capaz de integrar todas as qualidades tão bem definidas por Abraham Louis Breguet como fabricante oficial de cronómetros da Marinha Francesa.

A linha, concebida originalmente em 1990 segundo o conceito do designer Jorg Hysek, sofreu uma reformulação estética em 2017, e, desde então, tem vindo a apresentar modelos com características técnicas e estéticas marcantes.

É o caso do Marine Équation Marchante 5887, uma grande complicação inspirada pela herança de A. L. Breguet, em particular, no desenvolvimento de relógios de marinha, e que apresenta uma equação do tempo “imediata”, um calendário perpétuo e um turbilhão.

A equação do tempo é uma das mais raras e fascinantes complicações relojoeiras. Serve para mostrar a diferença entre o tempo médio (tempo civil) e o tempo solar verdadeiro. No Marine Équation Marchante, esta complicação não requer cálculos para a utilizar e é exibida

de forma imediata, através de dois ponteiros dos minutos que indicam, respectivamente, o tempo civil e o tempo solar de forma simultânea.

Emoldurado por uma caixa de 43,9 mm, disponível em ouro rosa (com mostrador prateado e movimento antracite) ou platina (com mostrador azul e movimento revestido a ródio), este Breguet Marine disponibiliza ainda um calendário perpétuo, um turbilhão e indicação da reserva de marcha. Tudo isto movido pelo calibre automático 581DR com espiral em silício.

Outro modelo de destaque na colecção actual é o Marine 5517, com caixa de 40 mm disponível em ouro branco, rosa ou amarelo, mas também em titânio. Uma opção que leva em consideração as excelentes propriedades de resistência à corrosão deste metal. Os mostradores, trabalhados com um padrão guilhoché ondulado, acentuam o carácter náutico do modelo, num espírito que se repete no verso cuja transparência revela a presença de uma massa oscilante em forma de roda de leme a encimar o calibre 777A com 55 horas de autonomia e 4 Hz de frequência de oscilação.

Com um grau de complexidade suplementar ao integrar uma complicação de cronógrafo, o Marine Chronographe 5527, com 42,3 mm de diâmetro, é movido pelo calibre 582QA, com uma complicação de cronógrafo que recorre à indicação de um ponteiro central e dois totalizadores às 3 e ás 6 horas para a medição da acumulação de minutos e horas, respectivamente. O terceiro submostrador, de menor diâmetro, está situado às 12 horas e marca a sequência continua dos pequenos segundos tendo a manufactura optado por posicionar a indicação de data entre as 4 e as 5 horas no que é claramente uma confirmação do carácter desportivo deste modelo.

 

 

Uma autêntica maravilha mecânica que integra nada menos que quatro complicações, o Marine Alarme Musicale 5547 disponibiliza a indicação de um segundo fuso horário, num pequeno submostrador localizado às 9 horas, assim como a data ás 6 horas. No quadrante superior esquerdo do mostrador a presença de uma indicação de reserva de marcha, ou corda restante, utiliza uma discreta escala quase que dissimulada entre os peculiares marcadores horários aplicados.


Já a quarta complicação tem na verdade uma dupla função bastante adequada a uma multiplicidade de requisitos do quotidiano contemporâneo. Adequando-se muitíssimo bem como despertador, ou em alternativa para recordar os eventos mais importantes de qualquer agenda, o sistema recorre a uma pequena abertura às 12 horas onde a presença de uma típico sino náutico anuncia que o alarme está ligado.

Disponível em versões de ouro branco, rosa ou titânio complementadas por pulseiras em pele ou borracha, o Alarme do 5547 é verdadeiramente “Musicale” e assume a posição de destaque numa colecção, decididamente, muito Breguet.