SANA Lisboa

Os SANA Hotels anunciaram recentemente a construção de um EPIC SANA em Casablanca. Depois de Luanda, Lisboa e Algarve, a marca de hotéis de luxo do grupo hoteleiro português promete voltar a surpreender. 

Os pequenos detalhes que fazem a diferença”, lê-se no site do Epic Sana Lisboa. E quem já acordou num dos seus quartos, experimentou o brunch de domingo em família, desfrutou da tranquilidade oferecida pelos tratamentos de assinatura do SPA Sayanna Wellness ou mergulhou na sua infinity pool com vista panorâmica sobre a cidade, sabe que os pequenos detalhes fazem mesmo a diferença.

Este luxuoso e moderno cinco estrelas do SANA Hotels – grupo português que tem crescido a uma velocidade vertiginosa e que quase todos os meses nos surpreende com novidades – foi inaugurado em Março de 2013, mas rapidamente se destacou no panorama nacional. Com uma localização muito privilegiada, nas Amoreiras, a dois passos do Marquês de Pombal e da Avenida da Liberdade, o projecto assinado pelo arquitecto Nuno Leónidas e com decoração de Teresa Leónidas, resulta num espaço contemporâneo, sofisticado e, acima de tudo, confortável. No fundo, o cenário certo para garantir, a par de um atendimento personalizado e um serviço diferenciador, experiências memoráveis.

Mas se Lisboa foi o local eleito para o primeiro hotel do conceito EPIC em Portugal, nesse mesmo ano abriu o EPIC SANA Algarve, na Praia da Falésia (Albufeira), outra localização bem estratégica. Situado numa área de oito hectares rodeada por jardins e um pinhal, este hotel-resort oferece 229 quartos e suites de design moderno, cinco piscinas exteriores, uma piscina interior aquecida, três restaurantes e três bares. Instalações invejáveis com um serviço a condizer, onde até é possível solicitar um mordomo!

 


 

África Minha

Se os dois EPIC SANA em Portugal são dignos representantes desta marca de hotéis de cinco estrelas contemporâneos, a verdade é que o conceito teve a sua estreia em Angola. Mais, o EPIC SANA Luanda foi mesmo o primeiro hotel de cinco estrelas no centro da capital angolana. Situado na Rua da Missão, à distância de um curto passeio a pé da famosa marginal, foi construído neste local estratégico para estar perto de importantes centros empresariais e administrativos e, simultaneamente, de zonas de lazer e atracções turísticas, inaugurando uma filosofia que está sempre presente em todos os EPIC SANA: a localização privilegiada.

Com um lobby amplo e luminoso, quem aqui entra esquece facilmente que esta torre está localizada no coração de uma das zonas mais concorridas e apetecíveis de Luanda. Passando a moderna recepção e o espaço lounge com sofás, ao fundo avista-se o principal restaurante do hotel – o Terrakota. No primeiro piso, o bar Kosmopolis é um dos locais preferidos pelos luandenses para fazer reuniões de negócios ou tomar um copo antes do jantar. No restaurante Vitrúvio são servidos clássicos da cozinha italiana, acompanhados por uma carta de vinhos provenientes de uma enoteca com mais de 120 referências. Já no segundo piso, encontra-se o restaurante Origami e a piscina exterior do hotel, onde apetece ficar a desfrutar de toda a carta de sumos naturais e cocktails, de manhã ao entardecer, e de uma cozinha composta por saladas, pratos ligeiros, cozinha portuguesa e grande variedade de peixe e marisco.

Mas não foi apenas na área do lazer que o EPIC SANA Luanda se revelou um produto diferenciador. O seu Centro de Congressos introduziu na capital angolana um serviço de qualidade, que alia a nobreza dos espaços à tecnologia de ponta de sistemas multimédia. O Kimera, espaço antes reservado para eventos privados de topo, como lançamentos, casamentos elegantes e exclusivas festas de aniversário é, hoje, um exclusivo restaurante, com conceito lounge. Situado no 21.º e último andar do hotel, oferece uma vista estonteante sobre a baía de Luanda e um serviço de excelência, que o transformam num local verdadeiramente épico!

Tudo isto sem esquecer o Switch Supper Club, projectado pelo arquitecto Miguel Câncio Martins (autor de moradas célebres como o Buddha Bar em Paris e os Pacha de Marraquexe). Aqui, as áreas lounge, bar, restaurante fine dining e animação fundem-se num ambiente sofisticado e cosmopolita, onde é possível jantar, beber um copo e dançar ao som do DJ residente, e até assistir a um espectáculo de música ao vivo.


 

Próxima paragem: Casablanca

O grupo SANA Hotels detém actualmente 16 hotéis, em Portugal, Alemanha e Angola, mas parece não querer parar por aqui, anunciando recentemente a construção de duas novas unidades na cidade marroquina de Casablanca, cuja abertura está prevista para 2019. Marrocos é um mercado prioritário, pelo crescimento empresarial e económico dos últimos anos e pela estabilidade política e social, condições que, segundo comunicado do Grupo, propiciam a captação de investimento estrangeiro. Por sua vez, a aposta em Casablanca “justifica-se uma vez mais pela localização estratégica e por esta ser a capital económica do país”.

Com um total de 355 quartos, as novas apostas do grupo português são um quatro estrelas da marca Evolution e um cinco estrelas EPIC SANA. Um investimento de cerca de 55 milhões de euros, “em duas unidades hoteleiras com conceitos distintos, que abrangem diferentes públicos e colmatam necessidades completamente diferentes”.

O Evolution Casablanca será um hotel high tech, com forte componente tecnológica, que se pretende destacar pela funcionalidade, rapidez no serviço e inovação. Já no caso do EPIC SANA Casablanca, o novo hotel no segmento luxo terá 187 quartos, seis restaurantes/bares, espaços para eventos, spa, fitness center e duas piscinas, apostando na elegância e conforto dos espaços, atendimento personalizado e excelência do serviço ao nível dos mais rigorosos padrões internacionais, como aliás é sua imagem de marca…

COMPARTILHAR
Jornalista Viciada em hotéis, Catarina Palma está sempre a par das últimas novidades da hotelaria mundial. Começou a trabalhar no jornal PÚBLICO, mas foi a escrever sobre viagens que descobriu a sua verdadeira paixão. “Quem quer escrever sobre políticos, quando pode escrever sobre o melhor do mundo?” Directora da Rotas & Destinos durante mais de 10 anos, revista de viagens que deixou saudades, coordena actualmente o projecto Lisbon Shopping Destination e escreve sobre temas de luxo e lifestyle para diversas publicações, como a TURBILHÃO.