Embarcar no jacto privado do Four Seasons é partir numa viagem inesquecível. Percorrer o mundo com todo o conforto de um hotel de cinco estrelas. Desfrutar experiências impossíveis de realizar de outra forma. É a derradeira viagem para quem já foi a todo o lado.

No próximo dia 18 de Setembro, 52 alegres passageiros vão embarcar a bordo do jacto privado da cadeia de hotéis de luxo Four Seasons. O destino final? Lisboa, onde chegarão no dia 9 do mês seguinte. Durante quase um mês, o jacto irá levá-los pelo mundo, parando em lugares extraordinários como o Havai, a Austrália, a ilha Maurícia ou a Tanzânia, e ficando alojado em alguns dos resorts mais fascinantes daquela que é uma das marcas de hotelaria mais famosas do mundo. “Aventuras Extraordinárias”, é mesmo esse o nome da viagem que promete muitos momentos para mais tarde recordar.

O jacto é operado directamente pela Four Seasons, que garante assim a excelência do serviço pelo qual marca a diferença. De tal forma que, a acompanhar a viagem, no ar e em terra, estará um dedicado staff de 100 pessoas para assegurar que os desejos de cada um dos seus hóspedes-passageiros será realizado.

Tudo tem um custo, naturalmente, e quem entrar nesta aventura terá de pagar 137 mil dólares, qualquer coisa perto de 120 mil euros. Mas a partir desse momento, poderá personalizar a viagem, em conjunto com o concierge que vai acompanhar todo o percurso. As “Four Seasons Private Jet Experiences”, inauguradas no ano passado, procuram ser viagens por medida, pelo que, apesar do itinerário predefinido, existe sempre uma enorme margem de customização. Ou seja, poderá eleger lugares a visitar em cada destino, eventos a assistir ou pessoas a conhecer, para citar apenas alguns exemplos.

O “kit de boas vindas” vem com um iPad Air 2, que simplificará esse planeamento e servirá depois, também, como sistema de entretenimento pessoal a bordo. Já no avião recebe uns auscultadores com redução de ruído Bose, uma manta em caxemira e um diário de viagem em cabedal, personalizado, da Moleskine, fiel companheiro de artistas e viajantes.

O jacto privado da Four Seasons é um Boeing 757, totalmente redesenhado para transportar meia centena de passageiros, em vez dos 280 das versões normais. Pode, portanto, imaginar que cada lugar tem bastante espaço e uma infinidade de opções de conforto. Há quem prefira um avião privado, é certo, mas a ideia não é disponibilizar um mero meio de transporte para pessoas com muito dinheiro. Esta é uma viagem para quem tem tempo e quer desfrutar da vida. Aqui, a ideia é oferecer um cruzeiro aéreo de luxo, e que o tempo passado a bordo seja uma boa altura para trocar experiências e confraternizar, ainda que sem descurar a privacidade de cada passageiro. Provavelmente, muitos serão clientes frequentes da Four Seasons Hotel & Resorts, habituados aos padrões de qualidade da cadeia canadiana e a uma cultura de serviço treinada para exceder expectativas.  É por isso que no avião segue um chef executivo que prepara as refeições no momento e as assistentes de bordo estão sempre a postos para servir mais uma flute de Dom Pérignon.

Os itinerários estão também desenhados para que os voos não sejam demasiados longos (cerca de seis horas em média), embora nesta viagem em particular existam alguns trajetos com mais de dez horas… afinal estamos a falar quase de uma volta ao mundo!

 

Volta ao Mundo em 25 dias

O programa “Extraordinary Adventures” da Four Seasons leva 52 pessoas a atravessar o mundo, visitando oito países diferentes, das florestas tropicais da Costa Rica às planícies do Serengeti, passando pela cosmopolita Sydney. Eis o itinerário e algumas informações essenciais sobre cada ponto de paragem, onde cada hóspede-passageiro pode eleger as suas actividades favoritas, e planear um itinerário muito personalizado.

[zoomtimeline mode=”mode-yearslist” post_type=”timeline_items” cat=”77″ date_format=”F” skin=”skin-light” desc_length=”600″ mode_slider_variation_content_position=”top” order=”asc” order_by=”date” strip_shortcodes=”on” strip_html=”on” circuit_the_timeline=”on” mode_yearslist_start_from_left=”on”]

 

Bruno Lobo
A área do Lifestyle tem muito poucos segredos para Bruno Lobo, jornalista com mais de 15 anos de experiência. Da moda aos automóveis, da relojoaria à tecnologia, da gastronomia à beleza. Porque “a vida é bem mais agradável com estes pequenos grandes prazeres”. GQ e Fora de Série são duas revistas onde o seu cunho se sentiu mais forte, mas já colaborou com várias revistas nacionais e internacionais, incluindo a Turbilhão, “com enorme prazer por poder contribuir para este projecto editorial”.