Moderna constelação

Omega

10

A icónica colecção Omega Constellation Manhattan regressa às luzes da ribalta, renova-se e apresenta-se com um novo allure, mais moderno e glamouroso do que nunca.

Estávamos em 1982 e a tecnologia mudava o mundo. No Japão, era vendido o primeiro leitor de CD e a Personalidade do Ano da revista Time era o computador pessoal. A própria industria relojoeira suíça enfrentava uma revolução, devido ao advento e popularidade dos relógios de quartzo. E foi durante este ano marcado pela mudança que se assistiu ao renascimento de um dos mais populares modelos da Omega: o Constellation.

Nascida em 1952, a icónica linha foi alvo de uma total renovação com o nascimento do Constellation Manhattan, cujo design imediatamente reconhecível é a base da colecção até aos dias de hoje. A responsável pelo look moderno do modelo, nomeadamente as míticas “garras” que flanqueiam a caixa e que foram introduzidas como forma de tornar o relógio resistente à água, foi Carol Didisheim. Com ela, o Constellation Manhattan recebeu ainda a caixa em forma de barril, as facetas em meia-lua nos cantos superior e inferior da caixa e a pulseira articulada integrada, características que se mantêm no ADN deste modelo.

Agora, a Omega revisita e actualiza o Manhattan, mantendo, no essencial, as quatro características base do relógio, mas conferindo-lhes um look mais moderno e leve. Assim, a luneta – engastada com diamantes ou com numerais romanos – é agora mais fina para outorgar uma maior amplitude ao mostrador e as “garras” foram reduzidas e integradas de forma mais suave na caixa. O design da coroa foi também reformulado, com cada um dos entalhes a assumir a forma de uma pequena meia-lua, de forma a ecoar as facetas da caixa. Além disso, o fecho da pulseira disponibiliza um alargamento ajustável, que permite aumentar o tamanho da mesma em cerca de 2 mm, por forma a colmatar as flutuações no diâmetro do pulso ao longo do dia.

Finalmente, os ponteiros foram actualizados e assumem a forma de uma folha esqueletizada e, no que aos índices diz respeito, alguns modelos possuem índices inspirados no horizonte de Manhattan, com destaque para as facetas triangulares da Freedom Tower, enquanto outros possuem diamantes redondos como índices.

O novo Constellation Manhattan está disponível em ouro Sedna, ouro amarelo, aço e modelos de dois tons (aço/ouro Sedna ou aço/ouro amarelo), em três tamanhos diferentes, 25mm, 28mm e 29mm – sendo os dois primeiros equipados com movimentos de quartzo, enquanto o modelo de 29 mm alberga os calibres Master Chronometer 8700 ou 8701 – e sete cores de mostrador.

A campanha de lançamento dos novos Constellation Manhattan fica ainda marcada pelos rostos das embaixadoras Omega: a estrela australiana Nicole Kidman, as supermodelos Cindy Crawford e Alessandra Ambrosio, e a actriz chinesa Liu Shishi.

PARTILHAR
Directora/Editor in Chief | Revista Turbilhão

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here