Omega Speedmaster Chronoscope

Nova colecção

273

Um novo design, um novo tamanho, um novo movimento, o regresso do nome Chronoscope, um mostrador que ecoa relógios vintage da marca. Descubra a nova colecção Omega Speedmaster Chronoscope.

O nome Chronoscope não é novo para a Omega. Foi usado nos anos 2000 na colecção De Ville para denominar os cronógrafos da linha. E porquê Chronoscope e não cronógrafo? Ambas as palavras derivam do grego chronos (tempo) e graph (escrever) ou skopos (observar). Assim, se é verdade que o primeiro cronógrafo inventado por Rieussec escrevia, de facto, o tempo decorrido, a realidade é que os cronógrafos modernos exibem a hora através de ponteiros, não a escrevem. Com esta situação em mente, a Omega baptizou os novos Speedmaster de Chronoscope, dado que são “um dispositivo usado para determinar com precisão a duração de um fenómeno”.

Explicado o nome da nova colecção, interessa agora debruçarmo-nos sobre o design. De uma forma geral, este é familiar e semelhante a outros modelos Speedmaster, sobretudo no que diz respeito à caixa: luneta externa com uma escala, caixa com um design assimétrico e asas torcidas e um vidro em formato de caixa. Existem, no entanto, algumas novidades no Chronoscope, nomeadamente a introdução de um tamanho de caixa médio (43 mm). Esta apresenta-se em aço com uma luneta fixa com uma inserção de alumínio anodizado, que apresenta um taquímetro clássico, a primeira das quatro escalas deste Chronoscope.

De facto, o elemento mais notável do Omega Speedmaster Chronoscope é o design do mostrador e a arquitectura que define o nome do relógio. Conforme mencionado, o objectivo destes modelos é “determinar com precisão a duração de um fenómeno”, e, como tal, conseguem indicar a velocidade com base na distância percorrida, a distância a que estamos de algo que é visível e audível e até mesmo a nossa frequência cardíaca. Em suma, o Chronoscope apresenta as três escalas clássicas de um cronógrafo: um taquímetro, um telémetro e um pulsímetro.

O taquímetro é dividido em duas escalas. A primeira surge na luneta para medir velocidades de 500 a 60 unidades (kph, mph), enquanto a segunda, em dois níveis, aparece no centro do mostrador e pode medir velocidades de 60 a 20 unidades (até 3 minutos de viagem). As duas outras escalas, telémetro e pulsímetro, estão impressas na parte interna do mostrador e relembram cronógrafos Omega das décadas de 1930 a 1940.

O mostrador é exclusivo deste Speedmaster Chronoscope e não reproduz o de outros modelos Speedmaster. Possui um layout de dois contadores, com pequenos segundos às 9 horas e o contador coaxial Omega clássico às 3 horas, e apresenta indicações das horas e minutos. Existem três mostradores diferentes disponíveis: azul com contadores ponteiros e índices prateados e luneta azul; prateado com contadores tom sobre tom, detalhes em azul nos ponteiros e índices e luneta azul; e uma edição panda com mostrador prateado, contadores pretos e luneta preta.

Novo calibre coaxial manual

Dentro da caixa do Speedmaster Chronoscope está um novo movimento, mais precisamente uma nova iteração do cronógrafo automático Omega Master Chronometer. Baseado no calibre 9900, este novo movimento 9908 é uma versão de corda manual caracterizada por uma platina ¾. No entanto, mantém a mesma arquitectura de roda de coluna e embraiagem vertical. O relógio bate a 4 Hz e possui uma reserva de marcha de 60 horas. Como todos os movimentos Omega modernos, este novo calibre apresenta um escape coaxial, é certificado pelo Master Chronometer e é antimagnético.

Conforme mencionado, há seis referências de aço inoxidável disponíveis na nova colecção Omega Speedmaster Chronoscope. Cada um dos três mostradores está disponível em uma pulseira de couro, fechada por uma fivela de pino ou uma pulseira de aço inoxidável.

Taquímetro, telémetro e pulsímetro

Além dos modelos em aço – acompanhados por correias em pele ou braceletes em aço – a colecção Omega Speedmaster Chronoscope inclui um relógio adicional produzido na liga proprietária da marca: Bronze-Gold. Esta edição, disponível apenas com uma correia em pele, apresenta um mostrador bronze com sub-mostradores prateados, uma inserção de cerâmica na luneta, com a escala do taquímetro preenchida em esmalte de cor vintage.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.