A Panerai revisita o primeiro modelo protótipo produzido pela marca, em 1936, a pedido da Marinha Real Italiana que, nas vésperas da II Guerra Mundial, requisitou um relógio de mergulho luminescente. Nascia assim o primeiro Radiomir da história, que se destacava pelo mostrador apelidado de “Califórnia”, com alternância entre números romanos e árabes, marcadores tipo barra e escala de minutos ao estilo caminhos-de-ferro.

O novo Radiomir PAM 931 California Dial, inspirado no modelo de 1936, destaca-se do seu antecessor ao apresentar um mostrador Califórnia em castanho fumado, uma cor nunca antes utilizada nesta colecção, mantendo a cor dos ponteiros e o design “alternado” dos numerais e índices. Disponível numa caixa de 47 mm em aço, o novo modelo é movido pelo calibre manual de manufactura P.3000, com dois tambores de corda e 3 dias de reserva de marcha.

Este Radiomir California faz-se acompanhar por uma correia em pele castanha e está limitado a 1000 exemplares.

 


CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS

icon-Movimento
MOVIMENTO
Manual, calibre de manufactura P.3000, balanço em Glucydur®, 21.600 alternâncias/hora, dois tambores de corda, 3 dias de reserva de marcha.
icon-Movimento
CAIXA
Aço, 47 mm, fundo em vidro de safira.
icon-Movimento
MOSTRADOR
Castanho fumado, numerais árabes e romanos, índices em forma de barra e ponteiros azuis (todos luminescentes), escala dos minutos ao estilo caminhos-de-ferro, indicações de horas e minutos.
icon-Movimento
BRACELETE
Pele castanha.