No próximo dia 19 de Fevereiro, de acordo com o calendário chinês, dá-se início a um novo ano, regido por um dos 12 animais do zodíaco, a cabra.

Para celebrar esta efeméride, várias foram as marcas relojoeiras que criaram peças especiais de edição limitada em honra deste animal e do novo ano.

Símbolo da imaginação, criatividade e um mundo de riqueza rural, a cabra é o animal que marca o novo ano chinês e que surge, em destaque, em peças relojoeiras de excepção criadas por algumas das mais reconhecidas marcas de alta relojoaria.

 Breguet

Breguet Reine de Naples

Através da utilização da antiga e nobre técnica cameo, que consiste em transformar materiais rígidos em perfeitas esculturas – neste caso uma escultura em relevo a partir de uma concha do mar -, a Breguet celebra o novo ano chinês. O modelo escolhido para esta homenagem é o feminino Reine de Naples em ouro branco e diamantes, com movimento automático, cujo rotor em ouro é gravado à mão e engastado com madrepérola.

 JD

Jaquet Droz Ateliers d’Art

A Jaquet Droz apresenta dois novos modelos Ateliers d’Art que celebram o “Ano da Cabra”, no calendário chinês. As duas peças relojoeiras em honra deste animal são verdadeiras obras de arte, encerrando técnicas de decoração extremamente complexas, bem como um movimento de excepção.

Piaget

Piaget Altiplano Goat

A Piaget celebra o Zodíaco Chinês com o novo Altiplano Goat, um relógio feminino que apresenta um mostrador esmaltado cloisonné que encerra uma cabra pintada por Anita Porchet, uma esmaltadora independente mundialmente reconhecida. Disponível numa edição limitada de 38 peças em ouro branco ou rosa aliado ao brilho dos diamantes na luneta, o novo Altiplano é movido pelo calibre de manufactura manual ultrafino Piaget 430P.

UN

 Ulysse Nardin Classico Goat

A Ulysse Nardin celebra o oitavo signo do Zodíaco Chinês com uma nova peça dentro da colecção Classico. Limitado a 88 peças em ouro rosa, o Classico Goat destaca-se pelo mostrador produzido à mão através da complexa técnica de esmaltagem champlevé, que apresenta a imagem de uma cabra com duas crias contra um fundo azul e rodeada de plantas em ouro. O movimento automático certificado pelo COSC, UN-815, com 42 horas de reserva de marcha dá vida a este modelo.

blancpain

Blancpain Villeret Calendário Tradicional Chinês

Lançado pela primeira vez em 2012, o Villeret Calendário Tradicional Chinês é um relógio com calendário perpétuo pouco usual, dado que combina o calendário gregoriano com o chinês. O cérebro no coração deste calendário é o calibre automático 3638, composto por 434 peças e com sete dias de reserva de marcha. A homenagem ao “Ano da Cabra” surge no rotor, visível através do fundo em vidro de safira, que ostenta a gravação deste animal.
vacheron

Vacheron Constantin Metiers d’Art Legend of the Chinese Zodiac

Limitado a 24 peças, 12 em platina e 12 em ouro rosa, o modelo Vacheron Constantin que celebra o novo ano chinês ostenta um mostrador em esmalte grand feu, decorado com folhas e madressilvas (aspectos da iconografia chinesa), e exibindo uma gravação realizada à mão de uma cabra.

Turbilhão
A Turbilhão é uma revista semestral, especializada na área da Alta Relojoaria e do Luxo.