Uma parceria espacial

MoonSwatch

53

A Omega e a Swatch uniram-se para dar vida ao novo MoonSwatch. Uma colaboração inesperada que tem levado os fãs da relojoaria à Lua (ou melhor dizendo, ao Espaço).

Assim que, numa manhã de Março, os novos MoonSwatch aterraram nas lojas, o mundo inteiro enlouqueceu. De repente, as boutiques Swatch espalhadas pelo planeta ficaram cercadas por hordas de fãs de relojoaria, jovens e não tão jovens, que tentavam levar para casa o desejado relógio assinado, conjuntamente, pela Omega e pela Swatch.

Depois de terem incendiado a Internet durante quase uma semana com teasers como “É hora de mudar o seu Swatch” ou “É hora de mudar o seu Omega”, as duas marcas acabaram por revelar o seu projecto supersecreto e levaram os fãs de ambas à loucura. Mas, afinal, qual o motivo de tanta agitação? A colecção MoonSwatch. Uma linha de 11 relógios que recriam as proporções e o design do famoso Omega Speedmaster Moonwatch, numa caixa de BioCeramic (material proprietário da Swatch composto por ⅔ de cerâmica e ⅓ de plástico de origem biológica) e com movimento de quartzo.

As 11 variações do novo MoonSwatch correspondem a um objecto planetário específico e cada versão é chamada de “Missão”. Assim, existe a Missão a Mercúrio, Missão à Lua, Missão a Marte, etc. Cada combinação é única para o corpo celeste que representa. Missão a Neptuno apresenta uma estética totalmente azul (como o planeta), enquanto a Missão à Terra utiliza o verde dos continentes na caixa e o azul dos oceanos no mostrador. Alguns (como Mercúrio) são mais conservadores no design, enquanto outros (como Marte) utilizam objectos semelhantes a naves espaciais para os ponteiros ou (como Saturno) integram imagens de planetas nos sub-mostradores.

Destaque ainda para o modelo dedicado à Lua, que se apresenta como o mais semelhante ao Omega Moonwatch, e para a versão ligada a Marte, que se inspira num protótipo Omega realizado para a NASA, em 1972. Por outro lado, todos os modelos utilizam uma solução bastante criativa para cobrir a pilha, através de uma imagem do objecto planetário em que se inspira.

O MoonSwatch mede os mesmos 42 mm que o Speedmaster com todos os detalhes intactos, desde os contornos da caixa até aos sub-mostradores “escalonados”. Contudo, não é, naturalmente, uma cópia exacta do icónico relógio, começando no material utilizado para a caixa, passando por detalhes no mostrador e terminando, claro, no movimento utilizado.

Assim, o movimento de quartzo dos novos MoonSwatch dita um certo layout de mostrador com sub-mostradores uniformemente espaçados no mostrador, em oposição ao layout do Speedmaster, que agrupa os sub-mostradores junto à metade inferior. Por outro lado, ao contrário do Moonwatch, a palavra Speedmaster está posicionada no lado esquerdo do mostrador e as letras do MoonSwatch estão à direita. Os relógios apresentam a indicação das duas marcas tanto às 12 horas, como na coroa. Possuem também um “S” gravado no vidro, no mesmo local onde surge o logotipo da Omega no Moonwatch com vidro hesalite.

Cada um dos relógios resultantes desta parceria está equipado com um pulseira de velcro e desengane-se se pensa que o momentum do MoonSwatch já passou. A procura continua imensa e o melhor é voar para garantir o seu.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.