Sob o mote “The Anatomy of Beauty”, a Vacheron Constantin apresenta, em 2022, novos relógios focados na aliança entre a elegância intemporal e a mestria artesanal e técnica.

Overseas Turbilhão Esqueleto

A colecção Overseas dá as boas-vindas a um novo turbilhão, agora integralmente esqueletizado. O novo modelo integra o movimento automático de manufactura Calibre 2160 SQ, onde o trabalho de esqueletização permitiu reduzir o peso em 20% e redesenhar completamente a arquitectura do mesmo.

Com apenas 5,65 mm de espessura – uma autêntica proeza técnica, tendo em conta a presença de uma gaiola de turbilhão -, graças, em parte, à massa oscilante periférica, este movimento esqueletizado deixa admirar o trabalho realizado na platina base e nas quatro pontes com o tratamento superficial de NAC, que concede tonalidades cinzentas antracite. O mesmo tratamento NAC aplicado às superfícies encontra-se no tambor de corda totalmente esqueletizado, criando uma rosa dos ventos no lado do mostrador, uma característica original do Calibre 2160 SQ.

Neste movimento, a Vacheron Constantin redesenhou ainda o órgão regulador alojado na gaiola do turbilhão e acoplado ao escape. Concebeu-se internamente uma espiral de balanço, equipada com curva terminal Breguet. Ao elevar a espiral exterior ao centro, acima do seu plano horizontal, consegue-se uma disposição que dota a mola de um desenvolvimento concêntrico, melhorando o seu isocronismo.

Disponível em ouro rosa ou titânio – o primeiro modelo da Vacheron Constantin fabricado integralmente neste metal o novo relógio apresenta marcadores horários em ouro rosa ou branco aplicados ao vidro de safira. Estes mesmos metais são utilizados nos ponteiros que, como os marcadores, são revestidos a SuperLumiNova®. O anel periférico está disponível em ouro rosa lacado a preto ou em ouro branco com tratamento de PVD azul.

Ambas as versões dispõem do sistema de braceletes intercambiáveis e apresentam-se com duas pulseiras em pele e borracha: pretas com fecho de fivela em ouro rosa no caso do modelo em ouro; e azuis com fecho de báscula em titânio, no modelo em titânio.

Overseas Extraplano Calendário Perpétuo Esqueleto

Em 2022, a Vacheron Constantin apresenta uma nova interpretação do Overseas Extraplano Calendário Perpétuo Esqueleto, agora com caixa de 41,5 mm em ouro rosa e mostrador azul. Este modelo,  premiado no Grand Prix d’Horlogerie de Genève 2020, está equipado com o movimento de manufactura Calibre 1120 QPSQ/1, com 40 horas de reserva de marcha, cuja espessura é de apenas 4,05 milímetros. O movimento esqueletizado com acabamentos à mão destaca-se pelo tom cinzento do tratamento NAC aplicado à platina, às pontes e à massa oscilante perfurada com forma de Cruz de Malta.

O carácter técnico do calendário perpétuo, que respeita as particularidades do calendário gregoriano sem a necessidade de ajustes, pode ser admirado desde ambos os lados da caixa de apenas 8,1 milímetros de espessura e indica os meses de 28, 30 e 31 dias, bem como os anos bissextos. No Overseas Extraplano Calendário Perpétuo, as indicações de dia e data situadas sobre o eixo horizontal complementam-se, no eixo vertical, para a indicação dos meses ao longo de quatro anos, enquanto que a indicação das fases lunares está em perfeita simetria, às 6 horas, sob um vidro opaco. O próximo ajuste da data não acontecerá antes de 2100, ano secular divisível entre quatro, mas não entre 400, que, portanto, não é ano bissexto, outra singularidade do calendário gregoriano.

O novo modelo está equipado com o sistema de troca rápida de braceletes e apresenta-se com uma pulseira em ouro rosa, sendo complementado com duas correias adicionais – em borracha e pele -, ambas com fecho de fivela em ouro rosa.

Traditionnelle Cronógrafo Calendário Perpétuo

A Vacheron Constantin apresenta uma nova versão do Traditionnelle Cronógrafo Calendário Perpétuo, equipado com o movimento manual de manufactura Calibre 1142 QP, com 48 horas de reserva de marcha, visível através do fundo da caixa. Exibindo uma nova identidade de inspiração clássica, com mostrador de cor salmão e caixa em platina, este modelo será produzido em quantidades limitadas e estará disponível apenas nas Boutiques Vacheron Constantin.

Integrado na colecção Excellence Platine, o novo relógio presta especial importância à legibilidade das funções. Assim, utiliza ponteiros e marcadores horários em ouro branco para indicar a hora, enquanto que para as funções cronográficas e de data, usa ponteiros de aço azulado. O contador de 30 minutos do cronógrafo e o contador de pequenos segundos estão colocados numa disposição simétrica, enquanto as fases da Lua surgem sobre um disco de platina localizado às seis horas, integrado no indicador de data de tipo ponteiro. Já as indicações de dia, mês e ciclo de ano bissexto são lidas através das aberturas na parte superior do mostrador. A natureza técnica do modelo acentua-se com a escala taquimétrica que ocupa a periferia e que serve para calcular a velocidade média ao longo de uma distância de 1000 metros, mediante a posição dos segundos do cronógrafo.

Em consonância com o compromisso da Vacheron Constantin com a estética, o mostrador recebeu uma meticulosa atenção. Os contadores dos pequenos segundos e dos minutos do cronógrafo cor salmão distinguem-se por um anel com acabamento perolado, com uma espiral concêntrica no interior. O mesmo motivo de espiral concêntrica aparece no acabamento da circunferência que exibe os numerais da data. O disco de platina, sobre o qual se mostra uma Lua alternadamente sorridente e melancólica, em função da fase, também foi revisto seguindo o espírito dos relógios de mesa do século XIX. Destaque ainda para uma versão em relevo e facetada da emblemática Cruz de Malta da Maison, sob o marcador horário das 12.

O toque final no Traditionnelle Cronógrafo Calendário Perpétuo é dado pela pulseira em pele de crocodilo com fecho de báscula em platina.

Traditionnelle Calendário Perpétuo Ultraplano

A colecção Traditionnelle recebe um novo relógio feminino. Trata-se do Traditionnelle Calendário Perpétuo Ultraplano, equipado com o calibre de manufactura 1120 QP, que exibe os dias, datas, meses e anos num ciclo de quatro anos, com indicação do ano bissexto, sem nenhuma correcção necessária antes de 2100. A indicação das fases da lua às 6 horas completa esta exibição do calendário.

Visível através do fundo da caixa de 36,5 mm, este movimento com 276 componentes apresenta acabamentos deveras elegantes: platina de granulação circular no lado do mostrador, platina e pontes decoradas com Côtes de Genève no verso, biselado à mão, perfuração circular acetinada, engrenagem com dentes polidos. A massa oscilante também é decorada com Côtes de Genève e assume a forma de Cruz de Malta.

Disponível em ouro branco ou rosa, o Traditionnelle Calendário Perpétuo Ultraplano é inspirado nos modelos Vacheron Constantin da primeira metade do século passado, apresentando a carrure e a caixa escalonada, o fundo canelado, ponteiros Dauphine e escala dos minutos ao estilo caminhos-de-ferro pontuada por marcadores de horas de tipo bastão. Já o mostrador surge em madrepérola em tons de azul-cobalto no modelo em ouro branco e madrepérola branca no modelo em ouro rosa. O disco das fases da lua é colorido nas mesmas cores do mostrador, enquanto a representação da Lua e das estrelas assume um tom dourado opalino. Finalmente, a luneta e a parte superior das asas são engastadas com 76 diamantes, enquanto a coroa é adornada com um diamante.

Pela primeira vez na colecção, o novo relógio está equipado com um sistema de troca rápida e fácil de bracelete. Cada modelo é apresentado com uma pulseira em pele de crocodilo azul cobalto ou bege, com fecho de fivela em ouro branco ou rosa, engastado com 17 diamantes de corte brilhante.

Patrimony Automático

Inspirada num modelo histórico da Vacheron Constantin de 1957 com um estilo clássico, redondo, extraplano e elegante, a colecção Patrimony caracteriza-se, desde o seu lançamento em 2004, por uma estética relojoeira austera e refinada. Seguindo esse espírito de enfatizar a pureza das linhas, a Vacheron Constantin revê, em 2022, as proporções dos modelos Patrimony. Assim, a caixa de 36,5 mm, disponível em ouro branco ou rosa, foi redesenhada, enquanto a coroa foi subtilmente arredondada.

O mostrador, levemente abobadado e com ponteiros feuille, surge em tons de azul profundo na versão em ouro branco e rosa blush na variante em ouro rosa. Essas cores são adornadas com efeitos degradé, mais claros no centro e progressivamente mais escuros, trazendo luz e profundidade à exibição das horas, minutos e segundos. A luneta com 72 diamantes ilumina a escala dos minutos perlada ou com 48 diamantes engastados, posicionados entre os marcadores de horas em ouro aplicados.

 Os novos Patrimony são movidos pelo calibre automático de manufactura 2450 Q6/3, com 40 horas de reserva de marcha, profusamente decorado. A massa oscilante esqueletizada em ouro em forma da Cruz de Malta é visível através do fundo da caixa em vidro de safira. A finalizar o design elegante está uma bracelete em pele de crocodilo azul noite ou bege rosado, que pode ser facilmente substituída com um simples toque num botão.

222

Desenhada por Jörg Hysek, a referência 222 viu a luz do dia em 1977. Na época, o 222 estava disponível em três tamanhos, sendo o mais coleccionável a versão “Jumbo” de 37 mm. Os relógios apresentavam uma gravação estilizada “222” no fundo da caixa e uma cruz de Malte em ouro na asa inferior direita. A luneta era pouco comum, com entalhes ao redor da circunferência. A maioria dos 700 Jumbos fabricados apresentava mostradores azuis ou carvão, com um pequeno número com mostradores prateados ou brancos.

Em 2022, a Vacheron Constantin revisita o relógio Jumbo em ouro amarelo, com um modelo que se inspira fortemente no original, mas totalmente adaptado ao século XXI em execução. O novo 222 está equipado com um mostrador dourado com marcadores tipo bastão aplicados. A luminescência é de cor verde em referência ao trítio usado nos modelos originais da década de 1970, e a fonte utilizada para “AUTOMATIC” na metade inferior do mostrador foi emprestada dos relógios originais.

A maior e talvez mais importante actualização no 222 deste ano é o movimento. Trata-se do calibre 2455/2, que bate a 28.800 alternâncias por hora e possui uma reserva de marcha de 40 horas. O rotor foi desenhado recentemente e possui a gravação 222 na fonte original.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.