Pasha de Cartier

Cartier

87

A Cartier revisita a colecção Pasha, adoptando novos caminhos criativos e acrescentando inúmeras opções de personalização.

O Pasha de Cartier 2020 permanece fiel ao original, mas acrescenta um pouco mais de sofisticação graças à sua coroa, que incorpora uma espinela ou safira azul, à sua pulseira intercambiável e às várias opções de personalização.

A coroa com corrente é um dos elementos-chave no design do relógio Pasha de Cartier e, agora, esconde dois segredos: uma espinela ou safira azul que veste a coroa de corda e uma gravação personalizável. Criada em forma de iniciais, a gravação é colocada sob a tampa da coroa, secreta, não sendo visível a menos que a famosa coroa com corrente seja desaparafusada.

Dois tamanhos, múltiplas combinações

Também a pulseira do novo Pasha evoluiu. Com novas cores e materiais, todas as versões são intercambiáveis, graças ao sistema QuickSwitch, patenteado pela Cartier.

CARACTERÍSTICAS

Coroa secreta com safira ou espinela azul e gravação personalizável, Bracelete intercambiável

Movimento: Automático, calibre de manufactura 1847 MC (9624 MC versão esqueleto), 28.800 alt/h, 40 horas de reserva de marcha
Caixa: Aço ou ouro, com ou sem diamantes, 41 mm ou 35 mm, coroa engastada com safira ou espinela azul, fundo em vidro de safira, estanque até 100 metros
Mostrador: Branco ou esqueletizado, numerais árabes, escala dos minutos quadrada, indicação de horas, minutos, segundos e data (nas versões 41 mm)
Bracelete: Pele, aço ou ouro, com sistema intercambiável QuickSwitch

 

A Turbilhão é uma revista semestral, especializada na área da Alta Relojoaria e do Luxo.